Agronline
Página inicial dos artigos
Início
 
Agricultura
 
Agronegócios
 
Geral
Pecuária
 
Política
 
Tecnologia
 
Inicio > Tecnologia
Os produtores de café ganharam mais uma ferramenta para apoiá-los na busca pela produtividade e pela redução de perdas nutricionais na lavoura. O CheckIT, aplicativo gratuito da Yara para smartphones e tablets que possibilita aos produtores detectarem as deficiências nutricionais da lavoura, agora também está disponível para a cultura. Com a ferramenta, o agricultor poderá entender os motivos pelo qual as deficiências nutricionais acontecem e receber recomendações da adubação e nutrição adequada no seu plantio, bem como dicas de qual produto do portfólio de fertilizantes da Yara se encaixa melhor às necessidades de sua propriedade. Para ter acesso ao aplicativo, basta acessar a Play Store (Android), a App Store (iOS) ou o Windows Store (Windows Phone) e procurar por “CheckIT”.
Fonte:
Desenvolver embalagens ecologicamente viáveis e que aumentem a vida de prateleira dos alimentos, reduzindo perdas e deterioração das frutas e hortaliças. Esse desafio motivou pesquisadores da Embrapa Agroindústria de Alimentos, no Rio de Janeiro (RJ), em colaboração com o Programa de Pós-Graduação em Ciência e Tecnologia de Alimentos da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (Ufrrj), a desenvolverem um filme ativo de polpa de acerola, com características antioxidantes e antimicrobianas. É uma alternativa para a agroindústria brasileira, que ainda utiliza muitas embalagens plásticas sem funcionalidade e com impacto negativo para o meio ambiente.
Fonte: Embrapa
O mercado de software está invadindo o campo de maneira ágil e repentina. Dados da Associação Brasileira de Empresas de Software (ABES) revelam que, cada vez mais, a tecnologia se consolida no setor de agronegócios como alternativa para enfrentar os desafios e as incertezas do ramo, como variação climática e controle de pragas e insetos, além de aumento da produtividade das lavouras. Um exemplo disso é a inovadora plataforma lançada pela empresa brasileira Olearys, que já foi instalada em diversas lavouras e vem demonstrando excelentes resultados, com a redução de até 60% na aplicação de defensivos agrícolas e contribuição para minimizar a poluição da água doce, já que reduz 52% das operações de pulverizações nas lavouras.
Fonte:
Uma banana geneticamente modificada (GM) tem potencial para reduzir drasticamente a mortalidade e a cegueira infantil. A planta transgênica foi desenvolvida por cientistas australianos para apresentar altos níveis de betacaroteno, precursor da Vitamina A. A carência desse nutriente é a principal causa de cegueira em crianças – estima-se que entre 250 a 500 mil percam a visão todos os anos por causa da ausência desse nutriente no organismo. Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) também mostram que doenças decorrentes da falta desta vitamina são responsáveis pela morte de mais de dois milhões de pessoas anualmente.
Fonte:
O Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama) determina, a partir da resolução nº 420, as concentrações críticas ou limites de elementos potencialmente tóxicos (EPTs) no solo, que representam risco à saúde humana. “Essa resolução foi elaborada devido à necessidade do controle da contaminação do solo e de águas subterrâneas, buscando proteção à saúde humana e ambiental”, comenta a engenheira ambiental Alexys Boim, autora de um estudo que compara o acúmulo de EPTs nos vegetais nas regiões temperada e tropical úmida e calcula a concentração crítica à saúde humana para ambas as regiões, além de avaliar os teores prontamente disponíveis no solo.
Fonte: Esalq
O Plano Nacional de Agroecologia e Produção Orgânica (PLANAPO), lançado em 2013 pelo governo federal, tem como uma de suas principais iniciativas regulamentar o acesso de agricultores organizados aos recursos genéticos conservados em mais de 100 bancos mantidos pela Embrapa – Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária em suas unidades de pesquisa distribuídas por quase todos os estados da Federação. Para a implementação do PLANAPO, criado para ampliar e efetivar ações que orientem o desenvolvimento rural sustentável, foi estabelecida, pela Secretaria Geral da Presidência da República, a Comissão Nacional de Agroecologia e Agricultura Orgânica (CNAPO), que reúne representantes da sociedade civil e diferentes órgãos do governo, incluindo a Embrapa.
Fonte: Embrapa
A pesquisa brasileira desenvolveu equipamentos para facilitar a vida do agricultor familiar, reduzindo custos, perdas com alimentos e oferecendo mais conforto. Esses equipamentos contribuem para as boas práticas na pós-colheita de hortaliças, fase que compreende seleção, classificação, limpeza, armazenamento, transporte e comercialização. Trata-se de um carrinho para transporte, uma mesa para seleção de produtos e uma unidade móvel de sombreamento, que já estão sendo utilizados em lavouras do Distrito Federal. Todos são simples de produzir, possuem baixo custo e oferecem ganhos imediatos, inclusive para a saúde do agricultor.
Fonte: Embrapa
Uma tecnologia simples e barata está começando a mudar a vida de pequenos agricultores de Uganda, na África Central. É o carneiro hidráulico, uma bomba que ajuda nos sistemas de irrigação de pequenas propriedades a um custo muito baixo.
Fonte: Embrapa
A qualidade dos produtos alimentícios e a sua influência sobre a nutrição e a saúde humana são assuntos intensamente abordados pelos meios científicos. Essa preocupação se deve ao grande número de produtos alimentícios existentes e a uma tendência atual de se ingerir produtos naturais. Para agregar valor ao subproduto do processamento de maracujá a partir do desenvolvimento de um iogurte adicionado de diferentes concentrações de farinha elaborada a partir dos subprodutos da fruta, foi desenvolvida pesquisa na Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz” (USP/ESALQ).
Fonte:
A produção de rosas em ambiente protegido sob fertirrigação é uma técnica bastante utilizada pelos produtores e vem se expandindo consideravelmente, principalmente no Estado de São Paulo. “Esta técnica antes era restrita à região Sudeste, mas hoje se encontra em todas as regiões do País”, comenta o engenheiro agrônomo Carlos José Gonçalves de Souza Lima. No programa de Pós-graduação em irrigação e Drenagem, na Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz” (USP/ESALQ), Lima desenvolveu um estudo sobre o manejo da fertirrigação no cultivo de roseiras em ambiente protegido.
Fonte:

Notícias anteriores
15-22/Ago  23-30/Ago  31/Ago-07/Set  08-15/Set    

Noticias recentes

Copyright © 2000 - 2017 Agronline.com.br