Agronline
Página inicial dos artigos
Início
 
Agricultura
 
Agroinformática
 
Desenv. Rural
Economia Rural
 
Pecuária
 
A gestão de pessoas no agronegócio

03/08/2006

:. Do mesmo autor
Comportamento Organizacional - Desafios da Gerência do Agronegócio.

Conduta Rural em Destaque

Mudando a Conduta Rural

Conduta Rural Motivada

Vendendo para o Agronegócio

O Triângulo do Atendimento Rural

Arrumação e venda de produtos da agricultura familiar

Qualidade de Vida Rural

Gestão Comercial do Agronegócio – Novos Paradigmas

Modelo Técnico – Caminho do Agonegócio

Serviço Rural – Um Diferencial Competitivo

Comunicação informal no campo

Comportamento Organizacional - Craitividade Perdida

Comportamento Organizacional - Ousadia e Criatividade na Gestão de Pessas do Agronegócio

Comportamento organizacional – Cooperação Rural

Comportamento Organizacional - Educando a Organização Rural

Competência - caminho do sucesso

Conduta Empreendedora e Comunicação

Capital intelectual – instrumento de estímulo à renovação e ao desenvolvimento

Administração compartilhada, venda direta, via central telefónica (on line), excelência na prest¬ação de serviços, ne¬cessidade de manutenção de estoques mínimos de produtos para fazer face à demanda do mercado, caça de talentos que possam per¬petuar a organização rural, atender a fun¬cionários rurais como se clientes fossem, participar da estruturação de planos de incentivos às vendas rurais, implementar planos de benefícios capazes de fixar os funcionários em suas posições, agir pró-ativamente, no sentido da re¬solução (dentro da empresa) de con¬flitos decorrentes da relação capital x trabalho, identificar necessidades de treinamento e desenvolvimento a cada inovação que chega à organização rural, zelar pela manutenção da saúde dos colabora¬dores e tentar reduzir o nível de es¬tresse dos gestores do negócio rural.

Essas são algu¬mas das preocupações que fazem parte do dia-a-dia de trabalho de um gestor de pessoas, esteja ele focado no negócio rural ou urbano. Como podemos ver, dentro de tantas demandas, o executivo da área de Gestão de Pessoas está, naturalmente, confuso e ne¬cessitando de uma revisão geral nos paradigmas – modelo ou padrão de procedimentos – que norteiam as ações de sua área.

O mundo moderno, mutável, em que tudo acontece com a maior rapidez possível, só nos deixa uma saída: ousar a mudança de nossos paradigmas. Só existe, hoje, uma certeza, a de que, como prega o pro¬fessor Alvin Toffler, a única coisa constante, ainda no terceiro milênio, é a mudança. Precisamos aprender a conviver com ela.

Como são formados os paradigmas? Como modificá-los? A formação dos paradigma se dá a longo prazo, por meio da acul¬turação – processo social em que as¬similamos as regras e os procedimentos considerados e re¬forçados como formas socialmente adequadas de agir. Torna-se fácil ob¬servar que quando um indivíduo pre¬cisa abrir mão de um padrão de procedimentos qualquer, ele, neces¬sariamente, volta à estaca zero. E, as¬sim sendo, precisa edificar ou reorganizar o novo conjunto de regras e procedimentos – novo paradigma.

Como exemplo, pense como os funcionários eram tratados, há al¬gum tempo, pelo antigo Departamento de Pessoal – DP. O indivíduo era controlado e o controle recaía na pessoa e não na sua produtividade. Com a chegada do movimento das relações humanas – liderado por Elton Mayo – a moti¬vação humana ganha um novo espaço. O paradigma do controle da pessoa já não é suficiente para aten¬der às necessidades e expectativas da nova influência humanística. Nós, profissionais envolvidos com a Gestão de Pessoas (principalmente no âmbito rural), ignorarmos os fatos que não se re¬lacionam com nossas regras e pro¬cedimentos e de aceitarmos aqueles que estão em harmonia com as expec¬tativas criadas por nossos paradig¬mas.

Na Gestão de Pessoas, os paradigmas cegam os executivos para a execução de várias ações, dentre elas, novos procedimen¬tos em Treinamento e Desenvolvimento; uma visão global do agronegócio (foco holístico); um tra¬balho de lobby mais eficaz com clien¬tes internos; uma ligação mais produtiva com a área de marketing rural.

Páginas: anterior 1 2 próxima Topo da página


José Carlos CairesEnvie um email!
Técncio de Nível Superior II - EMBRAPA/CPATC

  Enviar este artigo por e-mail  Imprimir este artigo  Como citar esse artigo 
:. COMENTÁRIOS
    Clique aqui!  E deixe seu comentário sobre o artigo!

  • Agronegócios
    Um dos melhores artigos de Agronegócio, foi da autora LEOCÀDIA CONTE da cidade de Putinga, aonde aborda varios aspectos desse meio... confiram...
    Leocádia Conte - 28/11/09 20:48

  • estudante de agronegocios
    gostaria ser informado sobre gestao de agronegocios no brasil a sua fronteira sobre o que esta acontecendo na area do agronegocios
    mezaque gonçalves dos santos - 25/03/08 09:09

  • Estudante de Agronegocios
    Sou estudante de Tecnologia em Agronegocios. E gostaria de manter contato com pessoas ligadas a area. Escrevam-me
    Denise Pais Vieira - 29/02/08 14:31

  • :. ARTIGOS RELACIONADOS

    Artigos por assunto

    Administração Agribusiness Agricultura de Precisão Agricultura Familiar Agricultura Urbana Agroecologia e orgânicos Agroindústria Agronegócio Agropecuária Familiar Agropesquisa Alimentação Apicultura Avicultura Boi verde e Pecuária orgânica Bovinocultura Caprinocultura Ciência florestal Climatologia Comércio internacional Comunicação Contaminação de águas Cooperativismo Crédito agrícola Crédito Rural Crise Energética Desenvolvimento Rural Desenvolvimento Sustentável Ecologia Educação Exportação Extensão Fauna Silvestre Fertilidade do Solo Fertilidade e conservação do solo Fitopatologia Fitotecnia Forrageiras Fruticultura Genética Horticultura Internet na agricultura Irrigação e Drenagem Marketing Meio ambiente Nutrição animal Ovinocultura Paisagismo Pecuária Leiteira Piscicultura Plantas Daninhas Plantas Medicinais Plantio direto Pragas e doenças Rastreabilidade Animal Sanidade animal Segurança Alimentar Seguro agrícola Sementes Suinocultura Tecnologia Transgênicos Zoonoses
    Copyright © 2000 - 2017 Agronline.com.br