Agronline
Página inicial dos artigos
Início
 
Agricultura
 
Agroinformática
 
Desenv. Rural
Economia Rural
 
Pecuária
 
Arrumação e venda de produtos da agricultura familiar

17/09/2006

:. Do mesmo autor
Comportamento Organizacional - Desafios da Gerência do Agronegócio.

Conduta Rural em Destaque

Mudando a Conduta Rural

Conduta Rural Motivada

Vendendo para o Agronegócio

O Triângulo do Atendimento Rural

A gestão de pessoas no agronegócio

Qualidade de Vida Rural

Gestão Comercial do Agronegócio – Novos Paradigmas

Modelo Técnico – Caminho do Agonegócio

Serviço Rural – Um Diferencial Competitivo

Comunicação informal no campo

Comportamento Organizacional - Craitividade Perdida

Comportamento Organizacional - Ousadia e Criatividade na Gestão de Pessas do Agronegócio

Comportamento organizacional – Cooperação Rural

Comportamento Organizacional - Educando a Organização Rural

Competência - caminho do sucesso

Conduta Empreendedora e Comunicação

Capital intelectual – instrumento de estímulo à renovação e ao desenvolvimento

Antes de focarmos em nosso texto a importância da arrumação adequada dos produtos da agricultura familiar e a necessidade de identificarmos algumas dicas de como vender tais produtos, vamos, em primeiro lugar, examinar que produtos são esses que constituem a base da produção agrícola familiar. Há alguns anos os agricultores familiares vendem, de forma intuitivas, seus produtos para uma clientela específica – representada na sua maioria por também agricultores familiares. Com a evolução dos meios de produção e de comercialização, os clientes ficaram mais exigentes do ponto de vista da qualidade do produto e, passaram, consequentemente a exigir um preço mais justo. Mas, trocando em miúdos, o que caracteriza um produto? Podemos dizer que o produto é algo tangível, contrário do serviço que representa algo intangível. Vamos esclarecer: quando eu compro uma manga, estou comprando algo palpável (tangível) que pode ser tocada, armazenada, que tem gosto, cheiro e assim vai. Por outro lado, quando compramos um quilo de peixe e pedimos para o vendedor limpá-lo estamos, além do produto (peixe), comprando, também um serviço (intangível) que é a limpeza do peixe.

Produto e algo palpável e serviço significa a ação ou efeito de servir. Decorre da atividade humana e tem como propósito facilitar a satisfação das necessidades dos consumidores; sem representar, todavia, um bem material. Significa qualquer ação ou desempenho intangível que uma parte pode ofertar a outra.

Voltando à questão dos produtos da agricultura familiar, podemos considerar que tudo que é produzido na pequena propriedade agrícola familiar constitui um produto: cenoura, feijão, milho, mandioca, hortaliças, frutas, rapadura, mel, etc. Podemos considerar, ainda, que tudo aquilo que é produzido para subsistência da família e não chega a ser consumido totalmente (sobra) constituem os produtos vendáveis da agricultura familiar.

Agora que já sabemos exatamente o que significa um produto da agricultura familiar, vamos examinar como podemos arrumá-los para aumentar a sua atratividade e venda. Alguma regras são extremamente simples e por isso mesmo quase sempre esquecemos de praticá-las. Em primeiro lugar os produtos precisam estar limpos – sem exceção. O primeiro contato de um produto com o cliente é muito importante, uma vez que dispara nele o desejo de comprar. Daí a necessidade de lavarmos os produtos retirando os resíduos de sujeira que por ventura possam conter. Estando o produto cuidadosamente limpo, o próximo passo é arrumá-lo de tal forma que possa disparar no consumidor o desejo de levá-lo para casa. Assim sendo, procure colocar as frutas arrumadas e cestos que podem ser feitos de palha, madeira ou até mesmo de papel. Arrume os produtos de tal forma que o consumidor perceba suas associações; cenoura junto com a batata inglesa, com o chuchu, com a abóbora, com o repolho, junto coma vagem, junto com o maxixe e assim vai. Coloque também a alface perto do tomate, da cebola, do rabanete, da beterraba – trazendo sempre para o consumidor a idéia de associação de produtos, ou seja, produtos que serão consumidos juntos.

Páginas: anterior 1 2 3 próxima Topo da página


José Carlos CairesEnvie um email!
Técncio de Nível Superior II - EMBRAPA/CPATC

  Enviar este artigo por e-mail  Imprimir este artigo  Como citar esse artigo 
:. COMENTÁRIOS
    Clique aqui!  E deixe seu comentário sobre o artigo!

  • Agricultura intensiva
    O que é agricultura intensivaa?
    Rafaela - 09/12/08 06:51

  • agricultura intensiva
    Queria saber quais são as vantagens e desvantagens da agricultura intensiva
    Raquel - 04/06/08 09:34

  • Agricultura de subsistênciaXmonocultura intensiva
    Gostaria de Saber quais as Vantagens da forma da agricultura de subsistência e Desvantagens e na monocultura vantagens e desvantagens para o meio ambiente de ambas respequetivamente.
    Zuila - 17/09/07 18:30

  • agradecimentos
    Obrigado pelo tema escrevo uma revista "Actividade Rural" para agricultores, criadores e pescadores e fiquei bastante interessada para adapta-lo para a realidade do meu país que é são Tomé e Principe e que de certeza ajudará as comunidades rurais.
    agaty - 25/01/07 07:41

  • :. ARTIGOS RELACIONADOS

    Artigos por assunto

    Administração Agribusiness Agricultura de Precisão Agricultura Familiar Agricultura Urbana Agroecologia e orgânicos Agroindústria Agronegócio Agropecuária Familiar Agropesquisa Alimentação Apicultura Avicultura Boi verde e Pecuária orgânica Bovinocultura Caprinocultura Ciência florestal Climatologia Comércio internacional Comunicação Contaminação de águas Cooperativismo Crédito agrícola Crédito Rural Crise Energética Desenvolvimento Rural Desenvolvimento Sustentável Ecologia Educação Exportação Extensão Fauna Silvestre Fertilidade do Solo Fertilidade e conservação do solo Fitopatologia Fitotecnia Forrageiras Fruticultura Genética Horticultura Internet na agricultura Irrigação e Drenagem Marketing Meio ambiente Nutrição animal Ovinocultura Paisagismo Pecuária Leiteira Piscicultura Plantas Daninhas Plantas Medicinais Plantio direto Pragas e doenças Rastreabilidade Animal Sanidade animal Segurança Alimentar Seguro agrícola Sementes Suinocultura Tecnologia Transgênicos Zoonoses
    Copyright © 2000 - 2017 Agronline.com.br