Agronline
Página inicial dos artigos
Início
 
Agricultura
 
Agroinformática
 
Desenv. Rural
Economia Rural
 
Pecuária
 
Efeito do armazenamento na qualidade fisiológica de sementes peletizadas de alface

03/04/2006

:. Do mesmo autor
Sementes Peletizadas de Hortaliças

Dormência em sementes de arroz

A peletização de sementes tem sido utilizada para modificar o tamanho e a forma de algumas sementes, facilitando a semeadura de precisão. Essa técnica consiste no revestimento das sementes com sucessivas camadas de material seco e inerte, dando a elas formato arredondado, maior massa e acabamento liso, o que facilita sua distribuição e manuseio, especialmente àquelas muito pequenas, pilosas, rugosas ou deformadas (Silva et al., 2002).

A peletização das sementes de alface melhora a eficiência da semeadura, reduzindo a quantidade de sementes usadas e dispensando o desbaste, além de oferecer a possibilidade de incorporação de nutrientes, fitorreguladores de crescimento, inseticidas, fungicidas, entre outros elementos que são incluídos no processo de peletização, facilitando o desenvolvimento e o estabelecimento das plântulas.

O vigor das sementes e o material utilizado durante a peletização exercem influência no desempenho das sementes durante a germinação, assim, pode haver redução na velocidade de germinação com o decorrer do tempo, como observaram Franzin & Menezes (2002) em sementes de alface. Além disso, podem ocorrer atrasos, de até 48 horas, na emergência das plântulas provenientes de sementes peletizadas de alface, quando comparadas às sementes nuas da mesma espécie. Essa diferença, no entanto, já não é perceptível na massa das mudas após 20 dias de cultivo (Silva et al., 2002).

As sementes atingem a máxima qualidade na maturidade fisiológica, coincidindo com o maior potencial de armazenamento (Carvalho & Nakagawa, 2000), a partir de então, ocorre redução desta com a deterioração. As transformações degenerativas após a qualidade máxima podem ser controladas ou reduzidas, quanto a sua velocidade, através da utilização de técnicas adequadas de colheita, secagem, beneficiamento e armazenamento. Assim, o armazenamento de sementes apresenta como fatores fundamentais a temperatura e a umidade relativa do ar, visto que o alto conteúdo de água na semente aliado a altas temperaturas aceleram o metabolismo, levando a redução da qualidade.

Considera-se que, para sementes de alface, as condições mais adequadas para o armazenamento são as baixas temperaturas e umidades relativas do ar. Essas condições são encontradas em ambientes controlados, como as câmaras de armazenamento frias e secas.

As sementes peletizadas de alface, por sofrerem manuseio específico durante o recobrimento, muitas vezes têm seu potencial fisiológico alterado durante o armazenamento. Por isso, desenvolveu-se um experimento para avaliar o potencial fisiológico das sementes peletizadas de alface, durante o armazenamento, em câmara fria e seca.

Páginas: anterior 1 2 3 próxima Topo da página


Simone Medianeira FranzinEnvie um email!
Bióloga - UFSM

  Enviar este artigo por e-mail  Imprimir este artigo  Como citar esse artigo 
:. COMENTÁRIOS
    Clique aqui!  E deixe seu comentário sobre o artigo!

  • semente peletizadas
    quero fazer uma horta horganica, sementes peletizadas contem algum produto quimico? gostaria de ter informações sobre hortas, e sementes. tenho 200m2 de espaço livre em meu quintal quero usar este espaço para horta horganica, podem me dar alguma dica, para que essa horta possa dá certo. obrigado pela orientação e informação
    bento cesar pereira de brito - 31/05/10 01:38

  • EFEITO DO ARMAZENAMENTO NA QUALIDADE FISIOLóGICA DE SEMENTES PELETIZADAS DE ALFACE
    o artigo e nutriente sobre o assunto tratado
    adolfo jose - 07/09/06 21:16

  • Bom artigo!
    Bom artigo!
    Roberto - 03/04/06 22:04

  • :. ARTIGOS RELACIONADOS

    Artigos por assunto

    Administração Agribusiness Agricultura de Precisão Agricultura Familiar Agricultura Urbana Agroecologia e orgânicos Agroindústria Agronegócio Agropecuária Familiar Agropesquisa Alimentação Apicultura Avicultura Boi verde e Pecuária orgânica Bovinocultura Caprinocultura Ciência florestal Climatologia Comércio internacional Comunicação Contaminação de águas Cooperativismo Crédito agrícola Crédito Rural Crise Energética Desenvolvimento Rural Desenvolvimento Sustentável Ecologia Educação Exportação Extensão Fauna Silvestre Fertilidade do Solo Fertilidade e conservação do solo Fitopatologia Fitotecnia Forrageiras Fruticultura Genética Horticultura Internet na agricultura Irrigação e Drenagem Marketing Meio ambiente Nutrição animal Ovinocultura Paisagismo Pecuária Leiteira Piscicultura Plantas Daninhas Plantas Medicinais Plantio direto Pragas e doenças Rastreabilidade Animal Sanidade animal Segurança Alimentar Seguro agrícola Sementes Suinocultura Tecnologia Transgênicos Zoonoses
    Copyright © 2000 - 2017 Agronline.com.br