Agronline
Página inicial dos artigos
Início
 
Agricultura
 
Agroinformática
 
Desenv. Rural
Economia Rural
 
Pecuária
 
Efeitos da vegetação no ambiente urbano

29/10/2002

:. Do mesmo autor
Paisagismo Urbano: Solos x Vegetação

Não raramente encontramos nos centros urbanos um ambiente caótico, caracterizado pelo estresse promovido pelo excesso de elementos artificiais, como o concreto, e ausência de naturais como a vegetação. O crescimento urbano acelerado, a partir da segunda metade do século XX, juntamente com a falta de planejamento em relação a este processo, provocou uma grande redução na qualidade ambiental das cidades, afetando diretamente a qualidade de vida da população urbana. Esta falta de integração entre os elementos arquitetônicos e a natureza ocorre pelo desconhecimento da sua importância ou desinteresse devido ao investimento necessário, tornando a vida no ambiente urbano cada vez mais desagradável.

A existência de áreas verdes junto aos centros urbanos, tais como parques, praças, largos e ruas arborizadas proporcionam uma sensação de bem estar aos usuários destes espaços. As plantas utilizadas no paisagismo urbano, tão importantes na caracterização ambiental destas áreas, promovem inúmeros benefícios estéticos e funcionais ao homem e estão muito além dos seus custos de implantação e manejo. A dimensão destes benefícios e seus custos são influenciados por fatores inerentes ao projeto de cada área, tais como as espécies utilizadas, suas características morfológicas, o espaçamento e o arranjo entre plantas, assim como, o conforto, a segurança e considerações ambientais também envolvidos nos projetos.

Alguns dos efeitos causados pela vegetação no meio urbano estão relacionados com a melhoria da qualidade do ar e do conforto térmico. A qualidade do ar é melhorada através da interceptação de partículas e absorção de gases poluentes pelas plantas, enquanto que a redução da temperatura ocorre pela absorção de calor no processo de transpiração e redução da radiação e reflexão dos raios solares. As superfícies pavimentadas agem como fontes de calor, absorvendo energia radiante e liberando esta energia em forma de calor para as áreas próximas. O uso ordenado de plantas poderia resolver este problema, tornando o ambiente mais adequado a sua utilização e reduzindo o desperdício de energia.

Outros benefícios proporcionados pela presença planejada das plantas na paisagem urbana são a proteção contra os ventos e a redução da poluição sonora. O vento pode ser agradável, desconfortável ou ate mesmo destruidor, dependendo da sua velocidade. As plantas modificam os ventos pela obstrução, deflexão, condução ou filtragem do seu fluxo, assim, a vegetação quando arranjada adequadamente pode proteger uma construção da ação dos ventos ou direcionar a passagem destes por um determinado local. Em relação à poluição sonora, as plantas não são muito eficientes em reduzir os sons gerados nas atividades urbanas, no entanto, este efeito é possível quando houver uma massa vegetal considerável próxima à fonte sonora, ou seja, dependendo da situação a composição vegetal pode muito bem ser trabalhada com este propósito.

Páginas: anterior 1 2 próxima Topo da página


Fabrício de Araújo PedronEnvie um email!
Paisagista - Autônomo

  Enviar este artigo por e-mail  Imprimir este artigo  Como citar esse artigo 
:. COMENTÁRIOS
    Clique aqui!  E deixe seu comentário sobre o artigo!

  • o artigo
    este artigo esta muito bom e legal gostei e continue assim
    vitoria - 17/04/09 14:52

  • Efeitos da vegetação no ambiente Urbano
    È suma importância a trativa deste assunto, principalmente no que diz respeito as questões ambientais e nossas cidades.
    Laedes Ferreira de Souza - 17/09/06 14:41

  • :. ARTIGOS RELACIONADOS

    Artigos por assunto

    Administração Agribusiness Agricultura de Precisão Agricultura Familiar Agricultura Urbana Agroecologia e orgânicos Agroindústria Agronegócio Agropecuária Familiar Agropesquisa Alimentação Apicultura Avicultura Boi verde e Pecuária orgânica Bovinocultura Caprinocultura Ciência florestal Climatologia Comércio internacional Comunicação Contaminação de águas Cooperativismo Crédito agrícola Crédito Rural Crise Energética Desenvolvimento Rural Desenvolvimento Sustentável Ecologia Educação Exportação Extensão Fauna Silvestre Fertilidade do Solo Fertilidade e conservação do solo Fitopatologia Fitotecnia Forrageiras Fruticultura Genética Horticultura Internet na agricultura Irrigação e Drenagem Marketing Meio ambiente Nutrição animal Ovinocultura Paisagismo Pecuária Leiteira Piscicultura Plantas Daninhas Plantas Medicinais Plantio direto Pragas e doenças Rastreabilidade Animal Sanidade animal Segurança Alimentar Seguro agrícola Sementes Suinocultura Tecnologia Transgênicos Zoonoses
    Copyright © 2000 - 2017 Agronline.com.br