Agronline
Página inicial dos artigos
Início
 
Agricultura
 
Agroinformática
 
Desenv. Rural
Economia Rural
 
Pecuária
 
Expectativas para o álcool em 2005 e 2006

28/09/2005

No dia 22 de fevereiro eu estive na BM&F, de onde se transmite o Programa Mercado & Companhia, que vai ao ar pelo Canal Rural diariamente e tem como âncora o Jornalista João Batista Olivi, para falar sobre as perspectivas do mercado de açúcar e álcool.

Em tal oportunidade, busquei informar ao telespectador a dificuldade de se fechar grandes acordos para fornecimento de álcool combustível para países como o Japão devido à nossa incapacidade de garantir oferta por períodos que envolvem inclusive a nossa entressafra.

Neste ano, os estoques de passagem não chegarão a 200 mil metros cúbicos, quando o nosso consumo interno mensal é de 1,1 milhões e somente não haverá riscos de desabastecimento porque as usinas e destilarias começarão a moagem com 40 dias de antecedência, dando partida a partir da última semana de março na região Centro-Sul.

Na minha visão e também na visão de todos os associados da Valio IC Consultoria, os estoques de passagem deveriam garantir pelo menos 60 dias de consumo interno, para que inclusive exista estabilidade nos preços entre os períodos de safra e entressafra. Isto significa afirmar que esses estoques deveriam corresponder nos dias de hoje a 2,2 milhões de metros cúbicos.

Temos ainda um mercado em franca expansão, ainda que um tanto quanto volátil, que é a demanda crescente de álcool combustível em diversas partes do mundo. Esse mercado tende a ser potencializado a partir deste ano devido à entrada em vigor do Protocolo de Kyoto.

As expectativas de exportação para o ano civil de 2005 variam entre 2,3 e 3,0 milhões de metros cúbicos, tendo como principais compradores os EUA, Índia, Coréia do Sul, Japão e União Européia.

Mesmo sendo o Japão um dos principais compradores do álcool brasileiro, suas aquisições aqui no Brasil não atingiram nem 200 mil metros cúbicos em 2004 (e também não se espera grandes volumes neste ano) enquanto sua demanda estimada para 2005 tem girado em torno de 1,9 milhões. Isto significa que seremos responsáveis por somente 10% do consumo daquele país se não conseguirmos garantir a oferta. Quem ganhará com isso serão os tailandeses, australianos e indonésios, que têm investido nos últimos anos na construção de destilarias anexas às suas usinas de açúcar. Aliás, a Tailândia já tem 24 destilarias de álcool entre as em produção e as ainda em construção.

Para garantirmos nosso espaço no mercado japonês precisaremos garantir o quanto antes esse suprimento e para isso necessitamos de investimentos em logística de transporte e armazenagem, através da construção e ampliação de terminais de líquidos nos principais portos do país (o que inclusive já está acontecendo), construção de “alcodutos” (onde a participação da Petrobrás/Transpetro se faz essencial) e em estoques nas usinas ou armazéns especialmente construídos com foco na exportação.

Páginas: anterior 1 2 próxima Topo da página


Andre Marques ValioEnvie um email!
Consultor - VALIO

  Enviar este artigo por e-mail  Imprimir este artigo  Como citar esse artigo 
:. COMENTÁRIOS
    Clique aqui!  E deixe seu comentário sobre o artigo!

  • Listagem de Indústrias
    Gostaria de saber como faço para ter acesso ao cadastro de indústrias no Triângulo Mineiro.Estou tendo um pouco de dificuldade nesta listagem pois nem todas estão cadastradas em alguns sites. Aguardo informações,obrigada.
    Aline Rodrigues - 12/11/08 10:17

  • material ou livro sobre alcoolismo para eu fazer minha manografia
    Estou fazendo uma manografia para o curso de Serviço Social. Está difícil arrumar material ou até mesmo um autor que tenha livro mais atualizado, isto tenho procurado na internet, nas associações, enfim, gostaria se possível, indicar alguém ou revistas......e mande para o meu e-mail, por favor. Abraço.
    vera oliveira - 30/08/08 11:50

  • Cana de açucar no Triângulo Mineiro
    Estavo procurando informações sobre o crescente desenvolvimento da agroindustria da cana no triângulo mineiro. Obrigado, Marco Túlio
    Marco Túlio - 04/04/07 11:38

  • Monografia
    Estive em seu site e estou precisando de dados para fazer uma monografia sobre exportação de alcool para o japão. Temas: Marketing no japão. Como o brasil vai fazer com a logística para o japão. Que tipo de transporte vai ser ultilizado. Quais seria as barreiras comerciais . Os investimentos que vai ser feito no brasil. Qual seria a diminuição da poluição no japão. Grato, Marcelo
    Marcelo - 07/11/06 22:44

  • monografia de cana
    Estive em seu site e estou precisando de dados para fazer uma monografia sobre cana de açúcar (plantio), nas paginas inciais vossa pude veriicar o seu assunto se refere a álcool, mas meu assunto como já disse é sobre plantio, André Marques Valio com tal asunto em vigor vc poderia me orientar a respeito do plantio de cana de açúcar Obrigado
    Otávio A. Fredi - 26/01/06 15:06

  • :. ARTIGOS RELACIONADOS

    Artigos por assunto

    Administração Agribusiness Agricultura de Precisão Agricultura Familiar Agricultura Urbana Agroecologia e orgânicos Agroindústria Agronegócio Agropecuária Familiar Agropesquisa Alimentação Apicultura Avicultura Boi verde e Pecuária orgânica Bovinocultura Caprinocultura Ciência florestal Climatologia Comércio internacional Comunicação Contaminação de águas Cooperativismo Crédito agrícola Crédito Rural Crise Energética Desenvolvimento Rural Desenvolvimento Sustentável Ecologia Educação Exportação Extensão Fauna Silvestre Fertilidade do Solo Fertilidade e conservação do solo Fitopatologia Fitotecnia Forrageiras Fruticultura Genética Horticultura Internet na agricultura Irrigação e Drenagem Marketing Meio ambiente Nutrição animal Ovinocultura Paisagismo Pecuária Leiteira Piscicultura Plantas Daninhas Plantas Medicinais Plantio direto Pragas e doenças Rastreabilidade Animal Sanidade animal Segurança Alimentar Seguro agrícola Sementes Suinocultura Tecnologia Transgênicos Zoonoses
    Copyright © 2000 - 2017 Agronline.com.br