Agronline
Página inicial dos artigos
Início
 
Agricultura
 
Agroinformática
 
Desenv. Rural
Economia Rural
 
Pecuária
 
Identificação e controle do choco em galinhas de postura

02/08/2007

O choco pode ser entendido como uma parada na produção de ovos em fêmeas de espécies avícolas. A galinha de postura nesse estado tende a permanecer incubando naturalmente os ovos, de forma tal, que muitas vezes é até difícil para realizar a coleta dos mesmos, em virtude da proteção que a fêmea faz. Durante esse período, há uma “parada” para descanso no ovário, ele se retrai e a ovulação cessa.

As principais características observadas em uma galinha de postura em estado de choco são:

- Diminuição do peso corporal;

- Diminuição do consumo de ração;

- Parada na produção de ovos;

- Maior tempo de permanência no ninho, principalmente se ali houver ovos para chocar;

- Sensível agressividade da galinha (função protetora), observada principalmente na hora da coleta no ninho, quando ela pode até bicar o tratador.

Em galinhas rústicas de quintal ou em raças puras, observa-se uma tendência maior ao choco, já nas linhagens geneticamente melhoradas e selecionadas para a alta produção de ovos, o comportamento do choco praticamente foi eliminado.

Há uma série de fatores ainda não suficientemente esclarecidos e entendidos, que ocasionam o choco, fatores estes, relacionados a aspectos hormonais, nutricionais e até mesmo ambientais.

Galinhas que não estejam recebendo estímulo de luz em quantidade e intensidade suficientes, são mais susceptíveis ao choco, principalmente em épocas de redução do fotoperíodo de luz natural, como na entrada do inverno. O programa de luz deve ser adaptado à linhagem utilizada, idade das aves e condição corporal. O recomendado é 5-10 lúmens/m2 , para poedeiras comerciais, da 10ª a 18ª semana e 10-20 lúmens/m2 da 19ª à 80ª semana de idade.

Altas temperaturas (causadoras do estresse calórico) no aviário, favorecem o comportamento de choco nas galinhas e podem ocasionar o aumento na demanda de cálcio (Ca). A deficiência deste nutriente, estimula as galinhas a apresentarem comportamento de choco.

Também podem ser citados como fatores possíveis para o aparecimento do choco nas galinhas: baixa freqüência na coleta de ovos, poucos ninhos para a postura e ambientes escuros no interior do aviário.

Como já mencionado, raças de galinhas rústicas de quintais, podem apresentar o comportamento de incubação natural.

Como sugestões para controle do choco, é prudente que, primeiramente, seja aplicado ao lote de galinhas, um programa adequado de iluminação, principalmente em épocas de redução de fotoperíodo diário, no inverno, por exemplo. Uma galinha em produção deve receber em média 16-17 horas/luz/dia, porém esta quantidade de luz , deve ser fornecida de acordo com um programa de luz pré-determinado e com a intensidade de luz recomendada.

Páginas: anterior 1 2 próxima Topo da página


Jacir AlbinoEnvie um email!
Assistentes - Embrapa-Cnpsa

  Enviar este artigo por e-mail  Imprimir este artigo  Como citar esse artigo 
:. COMENTÁRIOS
    Clique aqui!  E deixe seu comentário sobre o artigo!

  • minhas galinhas não chocam porque
    tenho um plantel de galinhas caipiras e elas ja não entram no choco a varios mesesue devo fazer q
    claudio - 29/07/14 14:27

  • consumo da galinha no choco
    gostaria de saber se posso consumir a galinha normalmente estando esta no choco. desde já agradeço
    vitor delane simoes teixeira - 20/11/13 09:01

  • choco das galinhas
    existe algo cientifico para eliminar choco de galinha
    geovani martins dos santosc - 21/02/13 19:22

  • galinhas de posturas
    gostaria de saber se no meio das galinhas de posturas, eu posso colocar um galo?, eu telho 110 cabeças de galinhas, aguardo a sua resposta, um abraço,gomes.
    jose carlos da silva gomes - 17/07/11 13:36

  • choco de galinha
    qeria saber poque minhas galinhas demoram chocar,pois quero fazer a incubação e elas não chocam.agradeço.
    lunguinha josefa gomes - 24/01/11 12:00

  • excelente artigo
    Gostaria aqui de parabenizar o assunto abordado neste artigo, visto ser o "Choco" nas galinhas de postura fator de prejuízo ao aviário.Estou em vias de me tornar um produtor de ovos e mais uma vez saliento ser de extremo aproveito artigos desta natureza.Gde abraço em todos.
    Iren Snitram Oderieugif - 22/05/10 23:45

  • choco
    qual amelhor maneira para acabar com ochoco da galinha
    danilo Martins - 29/09/08 16:02

  • :. ARTIGOS RELACIONADOS

    Artigos por assunto

    Administração Agribusiness Agricultura de Precisão Agricultura Familiar Agricultura Urbana Agroecologia e orgânicos Agroindústria Agronegócio Agropecuária Familiar Agropesquisa Alimentação Apicultura Avicultura Boi verde e Pecuária orgânica Bovinocultura Caprinocultura Ciência florestal Climatologia Comércio internacional Comunicação Contaminação de águas Cooperativismo Crédito agrícola Crédito Rural Crise Energética Desenvolvimento Rural Desenvolvimento Sustentável Ecologia Educação Exportação Extensão Fauna Silvestre Fertilidade do Solo Fertilidade e conservação do solo Fitopatologia Fitotecnia Forrageiras Fruticultura Genética Horticultura Internet na agricultura Irrigação e Drenagem Marketing Meio ambiente Nutrição animal Ovinocultura Paisagismo Pecuária Leiteira Piscicultura Plantas Daninhas Plantas Medicinais Plantio direto Pragas e doenças Rastreabilidade Animal Sanidade animal Segurança Alimentar Seguro agrícola Sementes Suinocultura Tecnologia Transgênicos Zoonoses
    Copyright © 2000 - 2017 Agronline.com.br