Agronline
Página inicial dos artigos
Início
 
Agricultura
 
Agroinformática
 
Desenv. Rural
Economia Rural
 
Pecuária
 
Rentabilidade na agricultura: com mais subsidios ou com mais profissionalismo?

22/05/2001

:. Do mesmo autor
O que pedem os agricultores e o que podem os governos: mendigar dependência ou proporcionar emancipação?

A escola rural deve formar "solucionadores de problemas"

Como enfrentar a crise da agricultura: lamentando os problemas insolúveis ou resolvendo os problemas solucionáveis?

Uma mensagem de esperança aos pequenos agricultores: a rentabilidade já está ao alcance de todos

Agricultores, abram os olhos: não se dediquem apenas à etapa POBRE do agronegocio

A educação rural está fora de rumo: os agricultores sofrem por falta de conhecimentos e por excesso de individualismo

A agricultura Latino-americana está submetida a uma profunda contradição: a) por um lado tem a urgente necessidade de modernizar-se porque se não o fizer simplesmente nao poderá enfrentar a fortemente subsidiada agricultura dos países desenvolvidos: e b) por outro lado, os governos desta Região além de não subsidiarem e não adotarem medidas protecionistas em favor dos seus agricultores, estão reduzindo exatamente aqueles recursos e serviços com os quais, tradicionalmente, se pretendeu fazer esta imprescindível modernização.

Infelizmente, existem evidências de que os nossos agricultores terão que continuar enfrentando esta injusta contradição, pelas seguintes razões:

1. Apesar dos avanços obtidos na Ronda Uruguai do GATT, o mais provável é que os países desenvolvidos continuarão subsidiando e/ou protegendo os seus agricultores, seja através de barreiras alfandegárias ou não alfandegárias (sanitárias, ambientais, etc.), entre outras razões porque lhes convém e dispoem de recursos para fazê-lo, com o agravante de que os países em desenvolvimento não tém o suficiente poder político para impedir que o façam.

2. A adversa porém indiscutível realidade é que os governos dos países latinoamericanos, mesmo que quisessem subsidiar os seus produtores, não disporiam dos recursos na quantidade que seria necessária para compensar os subsídios que concedem os países desenvolvidos1 .

3. Mesmo que quisessem adotar medidas protecionistas (como por exemplo: proibir a importação de alimentos produzidos no país ou elevar suas alíquotas de importação) nossos governos encontrariam sérias dificuldades para fazê-lo pela seguinte razão: tais medidas beneficiariam a uma minoria de habitantes (apenas aqueles agricultores que produzem a cultura protegida) porém prejudicariam a grande e crescente maioria nacional constituida pelos consumidores, os quais teriam que pagar um preço mais alto pelo produto protegido. A título de exemplo, no Brasil existem 6 milhões de pessoas dedicadas à produção leiteira (1.200.000 famílias) porém são 159 milhões os brasileiros que precisam tomar leite e muitos deles somente poderão fazê-lo na medida em que se consiga diminuir o seu preço. Se fizermos idênticas comparações com outros produtos agrícolas em distintos países da América Latina concluiremos que o enfrentamento de interesses entre os maioritários consumidores e os minoritários agricultores -estejamos ou não de acordo com esta tendência- será cada vez mais desfavorável a estes últimos.

1 Somente em 1992, os países desenvolvidos concederam aos seus agricultores subsidios no montante de US$ 356 bilhões de dólares: para efeito comparativo é interessante mencionar que nesse mesmo ano o montante da dívida externa dos 33 países da América Latina e o Caribe era de aproximadamente 418 bilhões de dólares.

Páginas: anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 próxima Topo da página


Polan LackiEnvie um email!
Pesquisador - FAO

  Enviar este artigo por e-mail  Imprimir este artigo  Como citar esse artigo 
:. COMENTÁRIOS
    Clique aqui!  E deixe seu comentário sobre o artigo!

  • Feijao de corda
    Gostaria de artigos sobre a forma de plantar e preparacao do solo.
    josenito nunes - 17/02/09 12:41

  • solicito artigo
    O artigo "Rentabilidade na Agricultura: com mais subsídios ou com mais profissionalismo?" me será de extrema importância como subsídio para trabalho que preciso desenvolver com os reassentamentos de Itaparica/Perímetros Irrigados. Nesse artigo o autor indica a leitura de outro artigo seu "Desenvolvimento Agropecuário: da dependência ao protagonismo do agricultor" e indica seu acesso pelo site www.rlc.fao.org, lamentavelmente não consegui encontrar o artigo em questão. Gostaria da gentileza de receber o artigo para continuidade das minhas leituras e futuro contato para discussão com o autor. Grata, Germana Zaicaner - Recife/PE.
    GERMANA - 05/08/04 11:04

  • Formação de Solucionadores de Problemas
    Sr.Polan Lacki Tenho a imensa satisfação e o privilégio de ler seus artigos através do agrtonline o qual, também felicito por apresentar um site do gênero com tamanha qualidade. A respeito do artigo sobre formação de solucionadores de problemas por parte das escolas ruais , concordo em gênero e grau com o que pude ler porém , digo mais , o império dos subsidios não somente atinge os nossos produtores rurais como também as nossas escolas que comprovadamente , têem o prato da balança da quantidade mais pesado que o da qualidade, o que acaba refletindo em uma supersafra anual de recém formados sem ideologia alguma, inflacionando o mercado de trabalho e consequentemente depreciando o valor dos que já estão na ativa há alguns anos . Estes por sua vez, mal remunerados, acabam encontrando maiores dificuldades em manter suas vidas particulares economicamente controladas , sem tempo e também descapitalizados , deixam de procurar o aprimoramento profissional para cada vez mais solucionar os problemas dos nossos produtores .Claro que existem excessões mas a maioria é que conta. Um grande abraço Marcelo de Oliveira Lara Méd. Veterinário e
    Marcelo de Oliveira Lara - 13/03/04 02:31

  • Ártigo
    Muito bom este artigo, como faço para fazer um dowload para o Portal do Programa Empreendedor Rural?
    GiseleTurquino - 11/03/04 21:25

  • Re: comentários
    Caro Polan Lacki, Acompanho seu trabalho a uns 4 anos e possuo um livro seu editado pelo Banco do Nordeste. Estou ministrando aulas na Escola Agrotécnica Federal de Guanambi no estado da Bahia de Gestão na Agropecuária e de Planejamento e Projetos, às quais trabalho com seu livro. Parabéns pelo seu excelente trabalho. Atenciosamente, Ricardo Antunes
    Ricardo Antunes - 12/09/03 11:25

  • Re: subsidios
    Sr Eduardo S Rocha Infelizmente os paises ricos podem subsidiar.Os paises pobres alem de nao poder faze-lo tampouco podem impedir que os ricos continuem fazendo-o. A questao social nao se resolve com subsidios que premiam as ineficiencias e sim como uma boa educacao que ajude a elimina-las. Concordo que a sociedade deve pagar porem deve faze-lo financiando uma educacao de qualidade que emancipe os agricultores das suas atuais dependencias e vulnerabilidades. Com muito prazer enviar-lhe-ei, atraves de e-mail, varios documentos que amppliam e fundamentam os argumentos incluidos neste artigo. Saudacoes de Polan Lacki
    Polan Lacki - 13/08/01 11:52

  • subsidios
    Perdoe-me mas é revoltante a colocação do autor para nós produtores rurais. Enquanto nossa economia ja se encontra globalizada sofrendo a concorrencia de produtos internacionais sobretudo os agricolas subsidiados em seus paises de origem .Esquece ainda o autor da questão social em manter o homen no campo. A sociedade tem sim que pagar por isso, diminuindo o exodo, a formação de favelas e a criminalidade.A agropecuaria tem sim que ser subsidiada no Brasil, os paises que detem mais avançada tecnologia no setor,assim o fazem.
    Eduardo Salvador Rocha - 12/08/01 08:41

  • :. ARTIGOS RELACIONADOS

    Artigos por assunto

    Administração Agribusiness Agricultura de Precisão Agricultura Familiar Agricultura Urbana Agroecologia e orgânicos Agroindústria Agronegócio Agropecuária Familiar Agropesquisa Alimentação Apicultura Avicultura Boi verde e Pecuária orgânica Bovinocultura Caprinocultura Ciência florestal Climatologia Comércio internacional Comunicação Contaminação de águas Cooperativismo Crédito agrícola Crédito Rural Crise Energética Desenvolvimento Rural Desenvolvimento Sustentável Ecologia Educação Exportação Extensão Fauna Silvestre Fertilidade do Solo Fertilidade e conservação do solo Fitopatologia Fitotecnia Forrageiras Fruticultura Genética Horticultura Internet na agricultura Irrigação e Drenagem Marketing Meio ambiente Nutrição animal Ovinocultura Paisagismo Pecuária Leiteira Piscicultura Plantas Daninhas Plantas Medicinais Plantio direto Pragas e doenças Rastreabilidade Animal Sanidade animal Segurança Alimentar Seguro agrícola Sementes Suinocultura Tecnologia Transgênicos Zoonoses
    Copyright © 2000 - 2017 Agronline.com.br